Relações com Investidores

Diretoria, Conselhos e Comitês

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

O Conselho de Administração da MRV é responsável pela definição das políticas estratégicas da Companhia gerais e, entre outras atribuições, pelo estabelecimento de suas políticas comerciais gerais, por eleger seus diretores e fiscalizar a sua gestão.

O Conselho de Administração da Companhia reunir-se-á, ordinariamente, a cada três meses e, extraordinariamente, sempre que convocado pelo seu Presidente ou por qualquer de seus membros.

Os conselheiros são eleitos em Assembleia Geral Ordinária de acionistas, para um mandato unificado de dois anos, sendo permitida a reeleição. De acordo com as regras do Novo Mercado, no mínimo 20% dos membros do Conselho de Administração devem ser conselheiros independentes, e todos os conselheiros, a partir da assinatura do Contrato de Participação no Novo Mercado, deverão subscrever, previamente à sua investidura no cargo, termo de anuência dos administradores referido no Regulamento Novo Mercado e às regras da Câmara de Arbitragem da Bovespa.

De acordo com a Lei das Sociedades por Ações, cada conselheiro é eleito em Assembleia Geral e deve ser proprietário de, no mínimo, uma ação de emissão da MRV, podendo residir fora do Brasil. O Estatuto Social da Companhia não contém restrições à possibilidade de os membros do seu Conselho de Administração obterem empréstimos junto a MRV. Contudo, de acordo com a Lei das Sociedades por Ações, um membro do Conselho de Administração é proibido (i) de votar em qualquer assunto que envolva conflito de seus interesses com os interesses da Companhia; e (ii) de tomar por empréstimo recursos ou bens da MRV, sem prévia autorização da Assembleia Geral ou do Conselho de Administração.

Ainda de acordo com a Lei das Sociedades por Ações, os acionistas não-controladores da MRV, com ações que representem, no mínimo, 10% do seu capital social, por no mínimo três meses, têm o direito de eleger um membro do Conselho de Administração da Companhia.

Nome Cargo Data de Eleição Término do Mandato
Rubens Menin Teixeira de Souza Presidente 25/04/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

É graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG em 1978. Trabalhou como estagiário de engenharia na Vega Engenharia de 1973 a 1978. Em 1979 fundou o Grupo MRV, sendo seu principal executivo e eleito membro do Conselho da Administração em Assembleia Geral Extraordinária de 1 de junho 31 de maio de 2006, atualmente exercendo o cargo de Presidente do Conselho de Administração. Fundador e presidente do Conselho de Administração Banco Inter, um banco múltiplo, desde a sua constituição, em 1994. Fundador e presidente do Conselho de Administração da LOG Commercial Properties SA, empresa de propriedades comerciais e industriais, desde a sua constituição em 2008. Fundador e presidente do Conselho de Administração da Urba Desenvolvimento Urbano S.A., desde a sua constituição em 2012, que tem por objetivo desenvolver grandes áreas urbanas para uso residencial e/ou misto. Fundador e presidente do Conselho de Administração da AHS, desde a sua constituição em 2012, empresa do ramo imobiliário localizada em Miami/EUA. Fundador e presidente do Conselho de Administração da CNN Brasil, desde a sua constituição em 2019, canal de televisão voltada inteiramente ao jornalismo. Fundador e Conselheiro da Administração da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (ABRAINC), desde abril de 2013. Em 2018 recebeu o prêmio Empreendedor do Ano Global – EY World Entrepreneur Of The Year 2018. Em 2019 recebeu o Prêmio de Excelência 2019 da Câmara de Comércio Brasil -EUA, da Flórida. Em 2018 fundou em Portugal a vinícola Menin Douro Estates. Em 2021 tornou-se proprietário da Rádio Itatiaia, a maior emissora de Minas Gerais.

Leonardo Guimarães Corrêa Conselheiro 25/04/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

É graduado em economia pela Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG em 1980 e pós-graduado em Finanças pela FGV em 1986. Trabalhou de 1982 a 1990 no Lloyds Bank como Gerente de Tesouraria. De 1990 a 2000 trabalhou no JP Morgan, tendo como último cargo o de diretor tesoureiro para o Brasil. Foi sócio do Banco Pactual de 2000 a 2003. De 2003 a 2006 foi sócio da Perfin Administração de Recursos, uma gestora de recursos independente, que se especializou na gestão de fundos de investimento. Ingressou na nossa Companhia em março de 2006 como Diretor Vice-Presidente Executivo. Em janeiro de 2007 assumiu a Diretoria Executiva de Relações com Investidores, em junho de 2009, a Diretoria Executiva de Relações com Investidores e Finanças. Atualmente é Vice-presidente do Conselho de Administração da MRV Engenharia e Participações S.A., membro do Conselho de Administração do Banco Inter S.A., banco múltiplo, membro do Conselho de Administração da LOG Commercial Properties SA, empresa de propriedades comerciais e industriais e membro do Conselho de Administração da Urba Desenvolvimento Urbano S.A., e Diretor de Tesouraria do Banco Inter.

Maria Fernanda Nazareth Menin Teixeira de Souza Maia Conselheira 25/04/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

É graduada em Direito pela Faculdade Milton Campos em 2001 e pós-graduada em Direito da Economia e da Empresa pela FGV em 2003. É membro efetivo da Comissão de Advocacia Corporativa da OAB/MG. Ingressou na MRV Serviços de Engenharia Ltda. em 1997, na condição de estagiária de Departamento de Cobrança. Durante este período ocupou os cargos de estagiária de Departamento Jurídico, Assistente Jurídico, Coordenadora de Departamento Jurídico, Superintendente Jurídico e Gestora Executiva Jurídica. Foi eleita para o cargo de Diretor Executivo Jurídica da nossa Companhia na reunião do Conselho de Administração realizada em 04 de maio de 2010, cargo que exerceu até 16 de dezembro de 2019. Em Assembleia Geral Extraordinária ocorrida na mesma data, Maria Fernanda foi eleita como Conselheira de Administração da Companhia, cargo que ocupa até a presente data. Ocupa a Presidência do Instituto Iungo, que tem como o objetivo a promoção e o desenvolvimento profissional de educadores do país. Atualmente também é membro do Conselho de Administração do Banco Inter e do Movimento Bem Maior.

Betania Tanure de Barros Conselheira Independente 25/04/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

Doutora em Administração – Brunel University (Inglaterra), especialista em Management Consulting pela Henley Management College (Inglaterra), em Gestão de Pessoas pelo Insead (França) e em Gestão Empresarial pela F. Leon Bekaert (Bélgica). Graduada em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, atualmente é professora do Mestrado e Doutorado em Administração da PUC Minas/ FDC. Membro do Conselho de Administração da GOL Linhas Aéreas e da Magazine Luiza S/A. Publicou diversos artigos e livros no Brasil e no exterior. Atua na Betania Tanure Associados como consultora, em empresas nacionais e multinacionais. Foi diretora da FDC durante 15 anos, tendo sido responsável por toda a área de desenvolvimento de executivos, empresas e parcerias empresariais.

Antônio Kandir Conselheiro Independente 25/04/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

Graduado em Engenharia Mecânica de Produção da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo – USP, Mestre em Economia pela UNICAMP e Doutor em Economia pela UNICAMP. Foi Ministro de Estado do Planejamento e Orçamento, Deputado Federal, Presidente do Conselho Nacional de Desestatização, Governador Brasileiro no BID, Secretário Especial de Política Econômica, Presidente do IPEA, diretor da Kandir e Associados S/C Ltda. e coordenador de estudos da Itaú Planejamento e Engenharia. Trabalhou também como professor da Unicamp, da PUC/SP, Assistant Faculty Fellow na Universidade de Notre Dame (USA) e gerenciou Fundos de Investimentos. Atualmente é membro do Conselho de Administração das seguintes sociedades: CPFL Energia S.A.; AEGEA Saneamento E Participações S.A.; CSU Cardsystem S.A.; Coimex Empreendimentos e Participações Ltda. e Inter & Co., Inc.

 

 

Sílvio Romero de Lemos Meira Conselheiro Independente 25/04/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

Graduado em engenharia eletrônica pelo ITA – Instituto Tecnológico de Aeronáutica em 1977; é mestre em informática pela UFPE – Universidade Federal de Pernambuco e PhD em computação pela University of Kent at Canterbury, Inglaterra. É professor emérito do Centro de Informática da UFPE – RECIFE; professor extraordinário da CESAR.SCHOOL, RECIFE; fundador e presidente do Conselho de Administração do Porto Digital, fundador e cientista-chefe da TDS.company. É professor titular aposentado do Centro de Informática da UFPE. Fundou e foi o cientista-chefe do C.E.S.A.R, Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife até julho de 2014, foi professor associado da Escola de Direito da FGV-RIO entre 2014 e 2017 e foi Fellow e Faculty Associate do Berkman Center, Harvard University, de 2012 a 2015. É consultor e palestrante em políticas e estratégias de negócios digitais, TICs, criatividade, inovação e empreendedorismo. Autor de mais de trezentos artigos científicos e centenas de textos sobre tecnologias da informação e seu impacto na economia, sociedade e pessoas, além de autor do livro “Novos Negócios Inovadores de Crescimento Empreendedor no Brasil”, orientou mais de 200 dissertações de mestrado e teses de doutorado em Ciência da Computação. Detém as ordens nacionais do mérito científico (1996), do Rio Branco (2001) e a medalha do conhecimento do MDIC (2008). Em 2006, recebeu do Governo de Pernambuco a mais alta comenda do estado, a ordem do mérito dos Guararapes. Em 2007, a época o elegeu um dos 100 brasileiros mais influentes. Em 2011 foi escolhido por O Globo como personalidade do ano da economia brasileira. Em 2013, a Revista Galileu o escolheu um dos 100 brasileiros mais influentes na web.

Paulo Sergio Kakinoff Conselheiro Independente 25/04/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

Graduado em Administração de Empresas pela Universidade Mackenzie. Foi Presidente da Audi Brasil até junho de 2012 e atuou na indústria automobilística por 18 anos, tendo ocupado anteriormente as funções de Diretor de Vendas & Marketing da Volkswagen do Brasil e Diretor Executivo para a América do Sul na matriz do Grupo Volkswagen na Alemanha, sido também membro do Conselho de Administração da Volkswagen Participações e da Gol Linhas Aéreas S/A. Atualmente é membro independente dos Conselhos de Administração da Porto Seguro S/A, da Vamos Locação de Caminhões, Máquinas e Equipamentos S/A, da Tembici Participações S/A

Para visualizar o Regimento Interno, clique aqui.

DIRETORIA EXECUTIVA

Os diretores da MRV são responsáveis por sua administração executiva diária. Os diretores têm responsabilidades individuais estabelecidas pelo Estatuto Social da Companhia e pelo seu Conselho de Administração.

De acordo com o Estatuto Social da MRV, a diretoria pode ter até doze diretores, eleitos pelo Conselho de Administração, para um prazo unificado de dois anos, sendo permitida a reeleição. O Estatuto Social da Companhia não determina idade para aposentadoria compulsória dos seus diretores, qualquer diretor pode ser destituído pelo Conselho de Administração, a qualquer tempo, antes do término de seu prazo de gestão.

Nome Cargo Data de Eleição Término do Mandato
Rafael Nazareth Menin Teixeira de Souza Diretor Presidente 15/05/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

É graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Minas Gerais em 2003. Ingressou na MRV Serviços de Engenharia Ltda. em 1999, na condição de estagiário de Engenharia Civil, tendo adquirido larga experiência no setor imobiliário residencial e comercial. Durante este período ocupou os cargos de Engenheiro de Obras, Coordenador de Engenharia e Diretoria Técnica. É membro do Conselho de Administração da Urbamais Properties e Participações S.A., cujo objetivo é desenvolver grandes áreas urbanas para uso residencial e/ou misto, desde a sua constituição em 2012.

Eduardo Fischer Teixeira de Souza Diretor Presidente e Diretor Executivo de Produção 15/05/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

É graduado em Engenharia Civil pela Fundação Mineira de Educação e Cultura- FUMEC em 2000. MBA em Finanças no IBMEC MG em 2003. Ingressou na MRV Serviços de Engenharia Ltda. em 1993, na condição de estagiário de Engenharia Civil, tendo adquirido larga experiência no setor imobiliário residencial. Durante este período ocupou os cargos de Engenheiro de Obras, Coordenador de Obras e de Diretor de Produção das regionais Campinas e São Paulo.

Ricardo Paixão Pinto Rodrigues Diretor Executivo de Finanças e Relações com Investidores 15/05/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

Há mais de 14 (quatorze) anos na Companhia, Ricardo Paixão foi nomeado Diretor Executivo de Finanças e Relações com Investidores em março de 2019. Desde de fevereiro de 2015 ocupava o cargo de Diretor de Relações com Investidores e Planejamento Financeiro, tendo atuado anteriormente como Gestor de Processos e Diretor do Centro de Serviços Compartilhados (CSC). Antes disso, trabalhou como Consultor no Instituto de Desenvolvimento Gerencial (INDG). É graduado em Engenharia Civil pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com MBA Executivo pela Fundação Dom Cabral (FDC) e General Management Program da Wharton School, da Universidade da Pensilvânia/EUA.

Thiago Corrêa Ely Diretor Executivo de Comercial e Crédito 25/05/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

É graduado em Administração de Empresas pela UFRS – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, tendo realizado o Executive MBA pela BSP – Business School São Paulo em 2010. Em 2012 realizou especialização em Marketing pela Stanford University e em 2013 especialização em Vendas pela Kellogg Executive Education.

Ocupou o cargo de Gerente de Pessoas, Gerente de Vendas, Diretor de Brand Connections e Diretor de Inovação pelo grupo Ambev Brasil. Foi também Diretor Global de Trade Marketing pelo grupo AB InBev entre 2013 e 2014. Em 2015 se tornou Vice-Presidente, sendo responsável pela estratégia de vendas, pelo Grupo ABI México. Em 2019, tornou-se Presidente e Managing Director pela Cerveceira Nacional (Ambev Panamá).

Júnia Maria de Sousa Lima Galvão Diretora Executiva de Administração e Desenvolvimento Humano 15/05/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

É graduada em Ciências Contábeis, pós-graduada em Gestão Financeira e Negócios Internacionais pela Fundação Dom Cabral, pós-graduada em Recursos Humanos e em Sistemas de Informação. Trabalhou de 1996 até janeiro de 2007 na RM Sistemas, vendida à Totvs S.A., como diretora administrativo-financeira, nas áreas administrativa, financeira e contábil, tendo sido responsável e procuradora da RM Sistemas.

Raphael Rocha Lafetá Diretor Executivo de Relações Institucionais e Sustentabilidade 15/05/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

É graduado em Engenharia Mecânica pela Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG em 1993 e pós-graduado em Engenharia Financeira pela FGV em 1996. Trabalhou como consultor Interno de Qualidade na Caixa Econômica de 1989 a 1996. De 1996 a 2009 foi Sócio-diretor na Asa Incorporadora. De 2010 a 2011 trabalhou na PDG Realty, como Diretor Estatuário responsável por negociação, administração, áreas de RH, jurídico, dentre outras. De 2011 a 2012 trabalhou no Banco Intermedium como Diretor de Crédito Imobiliário. De 2013 e 2014 foi Conselheiro na AP. Ingressou na MRV em janeiro de 2014 como Diretor de Relações Institucionais. Em agosto de 2015 passou a acumular o cargo de Diretor Geral do Instituto MRV, cargos que exerce até a presente data.

Rafael Pires e Albuquerque Diretor Executivo de Desenvolvimento Imobiliário I 15/05/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

É graduado em Engenharia Civil pela FUMEC, tendo realizado Executive MBA pela Fundação Dom Cabral em 2015. Em 2018 realizou especialização em Real Estate pela Harvard Business School e em 2019 concluiu o AMDP – Advanced Management Development Program, Real Estate pela Harvard Graduate School of Design. Com passagem anteriores pelas empresas AmBev e Vale, está há 15 anos na MRV onde ocupou os cargos de Gestor de Desenvolvimento Imobiliário, Diretor de Crédito e Desenvolvimento Imobiliário e Diretor Regional de Desenvolvimento Imobiliário.

Ronaldo Pedreira Ayres da Motta Filho Diretor Executivo de Desenvolvimento Imobiliário II 15/05/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

Graduado em Engenharia Química pela UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro – tendo realizado o MBA pela FDC – Fundação Dom Cabral – em 2006 e diversas pós-graduações ao longo da carreira, em Pesquisa Operacional na COPPE / UFRJ – Coordenação dos Programas de Pós-Graduação em Engenharia em 2000, em Customer Focused Organizations na Kellogg School of Management em 2012, em Marketing B2B na EMI – Escola de Marketing Industrial em 2015 e em Global Executive Leadership na Yale School of Management em 2019. Ocupou cargos de Gerente de Vendas, Gerente Geral de Outsourcing, Diretor Comercial B2B e Diretor de Marketing B2B na Oi até 2013. Foi também Diretor de Marketing e Vendas da AsGa Sistemas em 2015, tendo assumido posteriormente o cargo de Chief Operating Officer no GPA Malls – Unidade de Negócio de Real Estate
do GPA entre 2016 e 2018 e, por fim, de Diretor Comercial de Perecíveis no Multivarejo do GPA em 2019. Atua na MRV desde 2020, à frente do Desenvolvimento Imobiliário da Região 2.

Rodrigo Martins de Resende Diretor Executivo de Novos Negócios e Inovação 15/05/2023 02 (dois) anos, prorrogáveis até a AGO de 2025

Graduado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Minas Gerais, possui também MBA em gestão pelo IBMEC e especialização em marketing pela Standford University na Califórnia. Ingressou na área comercial da MRV em 2003, sendo responsável pelo desenvolvimento da estratégia de vendas online da companhia, assumindo a direção da área de marketing e comunicação em 2010. Entre 2011 e 2017 acumulou a diretoria comercial de Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espirito Santo, e toda região do Centro Oeste. Em 2019 deixou a diretoria comercial para focar na diretoria de marketing e liderar projetos de inovação da companhia, como Luggo, Sensia, Mundo da Casa e o investimento em startups com a aquisição da startup Ucondo. Em 2022, com a captação de investidores importantes, deixou a área de marketing para se dedicar ao crescimento dos novos negócios como Luggo , Mundo da Casa e a área de inovação da companhia.

CONSELHO FISCAL

De acordo com a Lei das Sociedades por Ações, o Conselho Fiscal é um órgão societário independente da administração e dos auditores externos. O conselho fiscal pode funcionar tanto de forma permanente quanto de forma não permanente, caso em que atuará durante um exercício social específico quando instalado a pedido dos acionistas que representem, no mínimo, 2% das ações com direito a voto e cada período de seu funcionamento terminará na primeira assembleia geral ordinária após a sua instalação.

As principais responsabilidades do conselho fiscal consistem em fiscalizar as atividades da administração, rever as demonstrações financeiras da companhia e reportar suas conclusões aos acionistas. A Lei das Sociedades por Ações exige que os membros do conselho fiscal recebam remuneração de, no mínimo, 10% do valor médio pago anualmente aos diretores da companhia. A Lei das Sociedades por Ações também exige que o Conselho Fiscal seja composto por, no mínimo, três e, no máximo, cinco membros e seus respectivos suplentes.

O Estatuto Social da MRV prevê um Conselho Fiscal de caráter não permanente, eleito unicamente a pedido dos acionistas da Companhia em assembleia geral. O Conselho Fiscal da Companhia funciona em caráter não permanente e foi instalado, a pedido dos acionistas interessados e nos termos do artigo 161, § 2º, da Lei 6.404/76, durante a Assembleia Geral Ordinária e Extraordinária realizada em 16 de abril de 2020.

Nome Cargo Data de Eleição Término do Mandato
Thiago da Costa e Silva Lott Conselheiro Fiscal 26/04/2024 Até a data de realização da AGO de 2025

Advogado inscrito na OAB/MG sob o número 101.330. Graduado em Direito pela Pontifícia Universidade do Estado de Minas Gerais (2005). Pós-Graduado em Direito Processual pelo Instituto de Educação Continuada da Pontifícia Universidade Católica do Estado de Minas Gerais (2006). Mestre em Direito Empresarial pela Faculdade Milton Campos (2016), pós-graduando em MBA Executive MBA na Fundação Dom Cabral (início em 2017). Sócio fundador do escritório Lott, Oliveira Braga e Advogados Associados (2008 até os dias de hoje). Atua na advocacia contenciosa e consultiva nas áreas do direito cível, societário e empresarial.

Sicomar Benigno de Araújo Soares Conselheiro Fiscal 26/04/2024 Até a data de realização da AGO de 2025

Graduado em Ciências Contábeis pela Pontifícia Universidade do Estado de Minas Gerais (1996). Pós-Graduado em Auditoria Externa pela Universidade Federal de Minas Gerais (2001). Mestre em Administração pela Fundação Cultura Dr. Pedro Leopoldo (2010). Em suas experiências profissionais ocupou o cargo de assistente contábil no Banco Agrimisa S.A. (1986-1996), atou como superintendente contábil no Inter (1996 – 2022), foi professor assistente nas instituições: Pontifícia Universidade do Estado de Minas Gerais (2002), Faculdade Centro Educacional Mineiro (2014- 2016), Faculdade de Ciências Empresariais (2008 – 2013) e Faculdade Asa de Brumadinho (2003-2008) . Foi membro da Comissão de IFRS do Conselho Regional de Contabilidade de Minas Gerais – Biênio (2008 – 2009), e participante da Comissão Contábil da Febraban e ABBC.

Marcelo Marques Pacheco Conselheiro Fiscal 26/04/2024 Até a data de realização da AGO de 2025

Graduado em Ciências Econômicas pela UERJ 1993). Possui MBA em Finanças pelo IBMEC-RJ (2001). Mestre em Economia pelo IBMEC-RJ (2005) com dissertação na área de Macroeconomia. Foi Gerente Executivo da Gerência de Fundos Multimercado e Off-Shore da BB DTVM de 2007 até 2019. Atualmente é Diretor da Gestão de ativos da BB DTVM e tilular do Grupo consultivo para Sustentabilidade da ANBIMA.

Para visualizar o Regimento Interno, clique aqui.

COMITÊS ESTATUTÁRIOS

Comitês de Gestão

O Conselho da MRV instituiu seis comitês internos de apoio em reunião de Conselho de Administração, para assessorar e propor soluções visando aumentar a eficácia de suas decisões. São eles: Comitê de Governança, Riscos, Compliance e Privacidade, Comitê de Pessoas, Comitê de Operações, Comitê de Inovação, Comitê Jurídico e Comitê de Auditoria. Todos os membros dos comitês detêm conhecimentos básicos sobre finanças, contabilidade e legislação aplicada ao Mercado de Capitais.

Comitê de Governança, Riscos, Compliance e Privacidade

Compete a esse Comitê:

(i) zelar e disseminar o comprometimento da Companhia por uma gestão pautada pelos pilares de governança corporativa, sustentabilidade e ética empresarial, incluindo, mas não se limitando a: (a) transparência de informações; (b) equidade; (c) prestação de contas; (d) responsabilidade corporativa; (e) erradicação do trabalho infantil, forçado ou compulsório; (f) combate à práticas de discriminação, sob quaisquer formas; (g) prevenção ao assédio moral ou sexual; (h) valorização da diversidade; (i) combate a todas as formas de corrupção; (j) preservação ambiental e gerenciamento de impactos; (k) acompanhamento e implementação das diretrizes da Associação Instituto MRV, com foco na geração de impactos e externalidades;(l) gestão dos riscos corporativos. (ii) promover a constante melhoria das práticas de governança adotadas pela Companhia, recomendando novas práticas e/ou propondo alterações às práticas existentes; (iii) acompanhar os indicadores sociais, ambientais e econômicos da Companhia e propor metas, ações e programas de sustentabilidade empresarial, acompanhando e avaliando periodicamente os resultados obtidos por tais metas, ações e programas, utilizando como matriz avaliativa do impacto gerado, entre outras, os Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável (ODS); (iv) monitorar e avaliar as práticas relacionadas ao atendimento dos Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável (ODS); (v) zelar pelo eficaz funcionamento do Conselho de Administração e de seus comitês de assessoramento, bem como promover o bom relacionamento entre o Conselho de Administração, a Diretoria, acionistas e demais stakeholders da Companhia; (vi) revisar periodicamente, discutir e propor alterações ao Estatuto Social, Regimentos Internos dos comitês de assessoramento, ao Código de Conduta e Ética da Companhia, assim como a outros documentos, políticas e normas internas da Companhia relacionados à governança, conduta e ética; (vii) avaliar e monitorar as exposições de risco da Companhia, acompanhando e supervisionando o processo de gerenciamento de riscos; (viii) assegurar a adequação, fortalecimento e funcionamento dos sistemas de controles internos da Companhia, visando reduzir, exterminar e/ou mitigar riscos existentes e prevenir potenciais riscos, apresentando recomendações de aprimoramento de políticas, práticas e procedimentos; (ix) disseminar a cultura de gerenciamento de riscos e controles internos na Companhia visando assegurar o estrito cumprimento de todas a leis, normas e regulamentos a ela aplicáveis; (x) emitir recomendações sobre situações de potencial conflito de interesses entre partes relacionadas da Companhia quando julgar necessário ou por solicitação do Conselho de Administração; (xi) discutir, propor e atualizar as políticas e diretrizes socioambientais da Companhia, objetivando potencializar o impacto positivo e mitigar, dentro do possível, as externalidades negativas; (xii) submeter ao Conselho de Administração suas recomendações sobre questões de sua competência e reportar suas atividades periodicamente ao Conselho de Administração, que deverá orientar o Comitê com relação ao nível de tolerância ao risco nos processos e atividades executadas nos diversos níveis da Companhia; (xiii) acompanhar a execução de suas recomendações, reunindo-se periodicamente com a Diretoria Executiva e gestores da Companhia.

Membros: Betânia Tanure de Barros, Eduardo Fischer Teixeira de Souza, Junia Maria de Sousa Lima Galvão, Maria Fernanda Nazareth Menin Teixeira de Souza Maia e Paulo Sergio Kakinoff.

Para visualizar o Regimento Interno, clique aqui.

Para visualizar o Organograma de GRC e Privacidade, clique aqui.

Comitê de Pessoas

Compete a esse Comitê:

(i) zelar e disseminar o comprometimento da Companhia por uma gestão pautada pelos pilares de governança corporativa, sustentabilidade e ética empresarial, incluindo, mas não se limitando a: (a) transparência de informações; (b) equidade; (c) prestação de contas; (d) responsabilidade corporativa; (e) erradicação do trabalho infantil, forçado ou compulsório; (f) combate à práticas de discriminação, sob quaisquer formas; (g) prevenção ao assédio moral ou sexual; (h) valorização da diversidade; (i) combate a todas as formas de corrupção; (j) preservação ambiental e gerenciamento de impactos; (k) acompanhamento e implementação das diretrizes da Associação Instituto MRV, com foco na geração de impactos e externalidades;(l) gestão dos riscos corporativos. (ii) promover a constante melhoria das práticas de governança adotadas pela Companhia, recomendando novas práticas e/ou propondo alterações às práticas existentes; (iii) acompanhar os indicadores sociais, ambientais e econômicos da Companhia e propor metas, ações e programas de sustentabilidade empresarial, acompanhando e avaliando periodicamente os resultados obtidos por tais metas, ações e programas, utilizando como matriz avaliativa do impacto gerado, entre outras, os Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável (ODS); (iv) monitorar e avaliar as práticas relacionadas ao atendimento dos Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável (ODS); (v) zelar pelo eficaz funcionamento do Conselho de Administração e de seus comitês de assessoramento, bem como promover o bom relacionamento entre o Conselho de Administração, a Diretoria, acionistas e demais stakeholders da Companhia; (vi) revisar periodicamente, discutir e propor alterações ao Estatuto Social, Regimentos Internos dos comitês de assessoramento, ao Código de Conduta e Ética da Companhia, assim como a outros documentos, políticas e normas internas da Companhia relacionados à governança, conduta e ética; (vii) avaliar e monitorar as exposições de risco da Companhia, acompanhando e supervisionando o processo de gerenciamento de riscos; (viii) assegurar a adequação, fortalecimento e funcionamento dos sistemas de controles internos da Companhia, visando reduzir, exterminar e/ou mitigar riscos existentes e prevenir potenciais riscos, apresentando recomendações de aprimoramento de políticas, práticas e procedimentos; (ix) disseminar a cultura de gerenciamento de riscos e controles internos na Companhia visando assegurar o estrito cumprimento de todas a leis, normas e regulamentos a ela aplicáveis; (x) emitir recomendações sobre situações de potencial conflito de interesses entre partes relacionadas da Companhia quando julgar necessário ou por solicitação do Conselho de Administração; (xi) discutir, propor e atualizar as políticas e diretrizes socioambientais da Companhia, objetivando potencializar o impacto positivo e mitigar, dentro do possível, as externalidades negativas; (xii) submeter ao Conselho de Administração suas recomendações sobre questões de sua competência e reportar suas atividades periodicamente ao Conselho de Administração, que deverá orientar o Comitê com relação ao nível de tolerância ao risco nos processos e atividades executadas nos diversos níveis da Companhia; (xiii) acompanhar a execução de suas recomendações, reunindo-se periodicamente com a Diretoria Executiva e gestores da Companhia.

Membros: Betânia Tanure de Barros, Eduardo Fischer Teixeira de Souza, Junia Maria de Sousa Lima Galvão, Maria Fernanda Nazareth Menin Teixeira de Souza Maia, Rafael Menin Teixeira de Souza.

Para visualizar o Regimento Interno, clique aqui.

Comitê de Operações

Compete ao Comitê de Operações: (i) zelar pelo correto planejamento e controle da produção, avaliando os diversos fatores que precisam ser administrados e seus respectivos impactos, para que as metas da Companhia sejam atingidas; (ii) estabelecer estratégias de gestão de suprimentos e mão de obra; (iii) acompanhar cronogramas de obras; (iv) propor soluções de otimização de produtividade; (v) zelar e propor planos de ação para a redução de impactos ambientais resultantes do processo produtivo, buscando aprimorar as práticas para o desenvolvimento sustentável de suas obras; (vi) revisar e propor melhorias aos processos de compras e gestão de custos, visando a manutenção de qualidade dos serviços e produtos empregados; (vii) revisar e propor melhorias aos planos de controles de produção e treinamentos de colaboradores de obra; (viii) zelar pela manutenção de boas práticas de segurança no trabalho, higiene e organização do canteiro de obras; (ix) definir a estratégia comercial e de crédito da Companhia, composta, dentre outros, por mix de vendas, precificação, perfil da equipe, mix de agentes de mercado, etc; (x) definir estratégias de mídia; (xi) definir estratégias de crédito imobiliário; (xii) definir estratégias de expansão geográfica das atividades da Companhia e de aquisições de terrenos; (xiii) reportar suas atividades periodicamente ao Conselho de Administração, bem como submeter ao Conselho de Administração suas recomendações sobre questões de sua competência; (xiv) acompanhar a execução de suas recomendações, reunindo-se periodicamente com a Diretoria Executiva e gestores da Companhia.

Membros: Eduardo Fischer Teixeira de Souza, Rafael Menin Teixeira de Souza e Rubens Menin Teixeira de Souza.

Para visualizar o Regimento Interno, clique aqui.

Comitê Jurídico

Compete ao Comitê Jurídico: (i) propor estudos relacionados a temas estratégicos para o setor jurídico e coordenar a definição das políticas de condução processual; (ii) orientar as estratégias de planejamento tributário e societário; (iii) conduzir a estratégia e acompanhar as operações contratuais relevantes; (iv) propor, avaliar e monitorar o orçamento anual do departamento jurídico; (v) assegurar a constante melhoria da política de remuneração dos escritórios parceiros; (vi) zelar e disseminar o comprometimento da Companhia com uma gestão pautada pela sustentabilidade; (vii) emitir recomendações sobre as metas anuais do departamento jurídico.

Membros: Eduardo Fischer Teixeira de Souza, Guilherme Silva Freitas, Maria Fernanda Nazareth Menin Teixeira de Souza Maia, Raphael Rocha Lafetá e Rubens Menin Teixeira de Souza.

Para visualizar o Regimento Interno, clique aqui.

Comitê de Auditoria

O Conselho de Administração aprovou no dia 14 de abril de 2020, a implementação do Comitê de Auditoria Estatutário.

Compete ao Comitê de Auditoria Estatutário (i) monitorar o controle da qualidade das demonstrações financeiras, dos controles internos, do gerenciamento de riscos e compliance; (ii) opinar na contratação e destituição dos serviços de auditoria independente; (iii) avaliar as informações trimestrais, demonstrações intermediárias e demonstrações financeiras da Companhia; (iv) acompanhar as atividades da auditoria interna e da área de controles internos da Companhia, incluindo a qualidade dos seus trabalhos, estrutura existente, plano de trabalho e resultados dos trabalhos realizados; (v) avaliar e monitorar as exposições de risco da Companhia, incluindo os riscos operacionais, financeiros, estratégicos e de imagem, acompanhando e supervisionando o processo de gerenciamento de riscos; (vi) avaliar, monitorar e recomendar à administração a correção ou aprimoramento das políticas internas da Companhia, incluindo a Política de Transações entre Partes Relacionadas; (vii) avaliar por meio da recepção e tratamento de informações a respeito do descumprimento de dispositivos legais e normativos aplicáveis a Companhia, além de regulamentos e códigos internos, garantindo a proteção do prestador e da confidencialidade da informação; (viii) monitorar a efetividade do trabalho dos auditores independentes, assim como sua independência, reportando ao Conselho de Administração a evolução dos seus trabalhos; (ix) avaliar e discutir o plano anual de trabalho do auditor independente e encaminhá-lo para a apreciação do Conselho de Administração da Companhia; (x) informar suas atividades trimestralmente ao Conselho de Administração da Companhia, constando em ata o mencionado reporte.

Todos os membros foram eleitos para o Comitê de Auditoria da Companhia pelo Conselho de Administração, nos termos do Artigo 26, Parágrafo 4º do Estatuto Social da Companhia, com os critérios definidos em seu Regimento Interno.

Membros: Antônio Kandir, Leonardo Guimarães Corrêa, Paulino Ferreira Leite.

Para visualizar o Regimento Interno, clique aqui.

Relatório Anual Resumido – Exercício 2023 clique aqui.

COMITÊS NÃO ESTATUTÁRIO

Comitê de Ética

Descrição do Comitê: Trata-se de uma instância colegiada responsável pela deliberação dos dilemas éticos e aplicação da Política de Consequências. (Mandatos de dois anos, como membros permanentes, com direito a voto):

Membros com direito a voto: Eduardo Fischer Teixeira de Souza, Leonardo Guimarães Corrêa, Júnia Maria de Souza Galvão, Maria Fernanda Nazareth Menin Teixeira de Souza Maia e Rafael Nazareth Menin Teixeira de Souza.

Membros sem direito a voto: Alex de Souza Medeiros.

Para visualizar o Regimento Interno, clique aqui.

Comitê Financeiro

O Conselho de Administração aprovou no dia 19 de Maio de 2020, a implementação do Comitê Financeiro.

O Comitê é um órgão colegiado de assessoramento e orientação ao Conselho de Administração da Companhia. Compete ao Comitê: (i) avaliar e revisar os planos de cunho econômico-financeiros da Companhia e programas de investimento e desinvestimento, avaliando sua viabilidade e pertinência, incluindo operações de fusão, incorporação e cisão, bem como eventuais oportunidades apresentadas à Companhia; (ii) Avaliar e revisar o orçamento anual da Companhia, bem como acompanhar e monitorar sua implementação e execução; (iii) Avaliar e monitorar a estrutura de capital da Companhia, bem como seu limite de endividamento, propondo sugestões e alternativas de captação de novos recursos; (iv) recomendar estratégia de distribuição de dividendos ao Conselho de Administração da Companhia, bem como avaliar os investimentos de sua alçada, acompanhando e monitorando sua implementação e execução; (v) Acompanhar periodicamente as principais métricas financeiras e os indicadores de performance utilizados, monitorando o nível de risco de crédito, financeiro e de mercado da Companhia, com vistas a garantir a perenidade e sustentabilidade do negócio.

Membros: Antônio Kandir, Eduardo Fischer Teixeira de Souza, Leonardo Guimarães Corrêa, Rafael Nazareth Menin Teixeira de Souza, Ricardo Paixão Pinto Rodrigues e Rubens Menin Teixeira de Souza.

Para visualizar o Regimento Interno, clique aqui.